eco-vegan lifestyle

  • Taiara Desirée

TECNOLOGIA APROPRIADA PARA A ENERGIA - GEDS ECOLÓGICO

Reflexão dos estudos do Módulo 4 da Dimensão Ecológica do Curso Design Para Sustentabilidade do Gaia Education, que apresenta o tema 'Tecnologia Apropriada para Energia'.



Estudar os diferentes tipos de tecnologias para a geração e uso de energia foi bem instigante. Sabemos que um redesenho dos nossos sistemas nas escalas local, regional e global é fundamental para darmos uma resposta às mudanças climáticas que, cada vez mais, nos impõe o afastamento da utilização de combustíveis fósseis e a migração para fontes de energia renováveis.


Foi precioso entender como as aplicações dos princípios da ecologia industrial para a integração das infraestruturas comunitárias podem nos ajudar a fechar os ciclos nos sistemas energéticos, de resíduos e de água, ao mesmo tempo que reduz a demanda de energia e aumenta a eficiência global do sistema. Ao mesmo tempo que impressiona saber como a energia gerada através de combustíveis fósseis tem dez vezes a pegada das gerações hídricas e por painéis fotovoltaicos, além de ser uma centena de vezes maior que a gerada por vento. 


Diante disso, como bem ensina o estudo desse módulo, a maneira mais eficaz para realizar o design de sistemas de energia sustentáveis é prestando atenção aos "nega-watts", ou seja, começando com um design para a conservação de energia, assim como devemos fazer com todas as formas de consumo, afinal, o momento do pico da energia chegou e a era da abundância de energia barata acabou, como indicam as proporções decrescentes do EROEI e as constatações do Dia da Sobrecarga da Terra (Overshoot Day).


Fiquei encantada com o trabalho da Energy Saving Trust, uma organização sem fins lucrativos que fornece orientações imparciais e de graça para ajudar a economizar dinheiro e combater as mudanças climáticas; assim como o RETScreen, software disponível em várias línguas e fornecido gratuitamente, que pode ser utilizado em todo o mundo para avaliar a produção e a poupança de energia, os custos, a redução de emissões, a viabilidade financeira e os riscos para vários tipos de Energias Renováveis e Tecnologias Energeticamente Eficientes (RETs). Ações como essas são exemplos de transformação que merecem apoio, destaque e valorização.




Outro ponto que muito me identifico e que já venho cultivando fora da sala de aula são as Opções de Transporte Sustentáveis. Como ensina o GEDS, o transporte é uma das áreas mais difíceis para redução da pegada de carbono, isso porque estamos muito acostumados com a eficácia dos combustíveis fósseis para fornecer nossa energia de mobilidade. Sendo, portanto, uma área que exige muita atenção, pois neste aspecto entram outras práticas que impactam o meio ambiente, como o consumo de produtos importados por exemplo.


"Devemos simplesmente lembrar que muitos dos bens que estamos usando não precisariam vir de tão longe, e que se o transporte não fosse subsidiado e todos os custos e danos criados por este sistema fossem incluídos no preço final de produtos importados - em suma, se realmente houvesse um mercado livre e justo - iríamos depender da produção regional para o consumo regional, muito mais do que fazemos hoje."

Assim como devemos começar pela conservação de energia ("Nega-watts") quando tentamos reduzir o impacto dos nossos sistemas de energia, devemos começar por evitar o transporte e adotar cadeias de suprimentos mais localizadas e regionalizadas, se quisermos criar um sistema de transportes mais sustentável. Sabemos que ainda não há soluções perfeitas para tudo, mas teremos que criar alternativas elegantes fundamentadas na singularidade de cada lugar.


O fato é que estamos vivendo um período de transição da era do combustível fóssil para a era dos sistemas de energias renováveis e pensar em todas as formas de transformação é medida urgentemente necessária para o redesenho da presença humana na terra.


A urgência das mudanças climáticas faz com que a alteração para a energia 100% renovável e para sistemas de energia carbono zero seja um imperativo para sobrevivência da nossa espécie e eu me sinto motivada a levar essa consciência adiante.


Em evolução... 


Taiara Desirée


#designparasustentabilidade #designecologico #dimensaoecologica #GaiaEducation #geds #energia #energiarenovavel #tecnologiasparaenergia #painelsolar #reflexao

4 visualizações

2020 POR TAIARA DESIRÉE - CNPJ 26.259.889/0001-10 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.